Luz da minha Vida - Glaucia Santos

LUZ DA MINHA VIDA
GLAUCIA SANTOS


Este é o segundo romance da autora que tive o prazer de ler em primeira mão, contendo 320 páginas, e bem distinto de Para Sempre por ser uma trama mais adulta e que tem mais a ver comigo. Por conter algumas cenas explícitas e de violência, não é recomendável para menores de 18 anos (AVISO: Deixarei algumas citações com tarja preta. Quem quiser ler na íntegra, passe o mouse em cima do texto).


- (...), enquanto isso não acontecer, estarei ao seu lado... Sempre! Serei a luz dos seus olhos, um clarão no meio da escuridão. (...). Nunca a deixarei perdida, prometo. Sempre que sentir medo, poderá segurar a minha mão e se guiar através dos meus passos. Se você me permitir, serei a luz da sua vida.

Pág. 16

Aos 24 anos, Anna Maria Smith se tornou uma pessoa determinada e corajosa devido à sua limitação, por causa de um acidente que a deixou cega aos cinco anos de idade. Aparentemente frágil e delicada, ela é uma mulher inteligente, de forte personalidade e decidida, como também destemida e altruísta, porque é capaz de fazer tudo o que almeja.

Pertencente a uma família abastada, sempre foi estigmatizada inferiormente pela opressão dos pais – um famoso maestro e uma socialite paulista influente –, por quem carregava grandes ressentimentos.

Arnold, seu pai, sempre a sufocou e aumentou ainda mais o peso do seu preconceito, fato que a magoava, pois era um homem severo e nunca almejou a paternidade. Eva, sua mãe orgulhosa, era egoísta, arrogante, controladora e gananciosa. Sempre a humilhou e a tratou como uma inválida, escondendo-a do mundo.


Eu não sou frágil! Posso viver tudo o que eu quiser. Ser cega não me torna incapaz, então, por favor, pare de ser intolerante e preconceituosa.

Pág. 31

Apesar de sofrer com a superproteção e omissão de ambos, Anna sonhava em ser livre e ser dona do próprio destino.

Desde pequena contou com o apoio de sua babá, amiga e confidente, que praticamente a criou e sempre zelou pelo seu bem-estar. Apesar de ter uma vida sofrida, Zefa sempre sonhou com uma vida melhor e em encontrar um grande amor.

Era uma nordestina perspicaz e de um humor irreverente que arrancará muitas gargalhadas no decorrer da leitura, porque adorava dar uma de detetive e se encontrar casualmente com os homens que conhecia pela internet (Meu Deus, ela se mete em cada apuro. Um mais hilário que o outro, mas o epílogo foi o ápice da doidice. Não acreditei no que ela aprontou! Até me engasguei de tanto chorar de... rir. Só lendo mesmo para saber).


“Bem feito, naja! – Zefa ria por dentro, enquanto Eva estava vermelha de raiva.
– E dona Eva... – Ela se virou para a perua antes de voltar à cozinha. – Se quiser almoçar é melhor ir a um restaurante. Não tenho horas para voltar da rua. Passarei o dia no salão de beleza.
– Mas que insolência! Nunca fui tão destratada em toda a minha vida. – esbravejou Eva – Como aprendeu a ser tão abusada desse jeito? Volte aqui!
– Eu fiz curso de grosseria por correspondência. – respondeu, rindo. – E aperfeiçoamento com a senhora.
Pág. 252

Anna Maria viajou mundo afora e se tornou uma musicista talentosa. Por conta do seu esforço recebeu muita ajuda, mas também intrigas dos invejosos. Nascera para brilhar e conquistar as plateias mundiais e decidiu viver o sonho do pai e conquistar seu lugar sem a superproteção da família. Colocava todo amor e sentimento no que fazia, especialmente na música (No decorrer da leitura, ouvi cada canção que ela tocava e visualizava aquele momento emocionante).

Nunca amou ninguém, mas durante uma consulta médica encontrará um amor que mudará seu destino para sempre. Alguém encantador que a fará sentir-se especial e amada pela primeira vez na vida: Dr. Richard Doyle, um inglês bem-sucedido, íntegro, digno, paciente, generoso e apaixonado (Meninas, este será mais um mocinho que entrará na sua lista de personagens favoritos. Todas vão querer alguém como ele ao seu lado, com certeza!).

Ambos apaixonaram-se à primeira vista. Desde o primeiro momento, ele a atraiu com seu cheiro, seu toque e sua voz aveludada trazendo-lhe emoções desconhecidas.


Agradeceu mentalmente a Deus por conservá-lo vivo até aquele momento. Ele sempre seria grato por aquela dádiva. Ann era tudo o que precisava, já que nada mais importava, apenas queria vê-la feliz.

Pág. 64

Descobriram-se almas gêmeas e souberam o que era o amor verdadeiro e incondicional. Aos 32 anos e seguro de si, ele a desperta para o amor e decidem viver intensamente este sentimento.


Ele estava irremediavelmente perdido, enquanto explorava cada canto de sua boca, com movimentos sensuais e ritmados. Não havia mais volta. Ele a queria de corpo e alma.

Pág. 65

Adorei a cumplicidade, o afeto, o respeito e o companheirismo dos protagonistas em diversas cenas.


(...) em meio às incertezas e receios, mas tinha certeza de apenas uma coisa: passaria o resto da vida ao seu lado, porque ele ensinou-lhe o que era o amor e como amar (...). Ele não era apenas um homem ou o seu amor, era a sua luz.

Pág. 222
Ann, quando eu a vi tocando o violino senti vontade de chorar. Não tenho palavras para descrever a minha emoção e o que ainda estou sentindo agora, te olhando. Só sei que preciso de você em minha vida, somente isso. Quero te conhecer, estar ao teu lado e te proteger. Já percebi que você é independente e que não gosta de ser tratada de forma diferente, mas sinto vontade de te mimar e te tocar o tempo inteiro. É mais forte do que eu... – fez uma pausa e a observou, depois continuou. – Já tive outros relacionamentos e muitas mulheres passaram pela minha vida, mas nenhuma delas me fez sentir o que você faz. Se isso não é amor, eu realmente não sei o que é. Hoje só quero estar ao seu lado e descobrir. Apenas me dê essa oportunidade.

Pág. 70

Apesar dos momentos idílicos e muy calientes, há os tensos, claro! Afinal, o que seria de um bom enredo sem uma pitada de mistério e suspense por meio dos seus antagonistas?

Em primeiro lugar, Eva inferniza cada vez mais a vida da filha por ser preconceituosa; e em segundo lugar, a polícia está às voltas com um serial killer que está assassinando várias jovens da orquestra utilizando o mesmo modus operandi e ninguém sabe o motivo.
 
Você não precisa ouvir o que esse oportunista tem a dizer. Sempre disse que ele estava atrás do seu dinheiro, filha. Não é claro para você? Acha que um homem lindo como ele se apaixonaria por uma inválida? Faça-me o favor! A máscara caiu e agora você sabe quem é esse aí.

Pág. 195

Um dia, Anna se vê como principal testemunha de um assassinato e sua única pista é o cheiro que o assassino deixou. Ela será capaz de identificá-lo?

Desde quando alvos estão isentos de perigo? Minha filha estará lá, deixando claro que pode identificar um criminoso e isso é um risco. Por mais que ele seja cuidadoso, vai tentar eliminar qualquer fonte de perigo que atravesse seu caminho. Isso é mais claro que água.

Pág. 186

Agora sua vida e de todos que a rodeiam estão em risco! A polícia conseguirá detê-lo antes que seja tarde demais? Essa parte é um dos momentos mais tensos, que deixam qualquer leitor com o coração na mão.

Ela voltará a enxergar e ter uma vida feliz ao lado de seu amor mesmo com as intrigas da mãe?


Eu amo você do jeito que é, mas acho um desperdício você não poder enxergar a beleza que existe nesse mundo. Queria tanto poder te mostrar a lua cheia resplandecente que parece cantar para os apaixonados. Um pôr do sol à beira de um penhasco ou de uma praia paradisíaca, de tirar o fôlego. O sorriso de uma criança ao ganhar um brinquedo...

Pág. 155

E Zefa? Depois de tanto sofrimento e encontros virtuais malfadados (e hilários), finalmente encontrará sua alma gêmea?

Prepare-se para fortes emoções e surpresas. Gargalhe, se encante, suspire com cenas ternas, românticas e extremamente sensuais; ou até mesmo esbraveje com a teimosia e obstinação dos personagens.

Primeiramente, quero dizer que a capa está linda e refletiu exatamente o lado romântico que o enredo nos proporciona. A diagramação feita pela Rosana Gutierrez ficou linda e deu um toque ainda mais sublime ao livro, que é narrado em terceira pessoa sob a perspectiva do narrador e de alguns personagens, entre eles: Anna Maria, Richard, Zefa e o serial killer.


Com sua escrita singela, Glaucia superou-se neste romance com um enredo envolvente e arrebatador, que me trouxe um torvelinho de emoções, através de personagens tão cativantes e realistas, condizentes com nossa atualidade. Não tem como não se inspirar com a força, a coragem e a superação de Anna Maria; se apaixonar pelo cavalheirismo, altruísmo e romantismo de Richard; além de gargalhar do humor irreverente de Zefa.

Fiquei extasiada com algumas canções, filmes e seriados mencionados na trama que amo de paixão, além dos lugares onde a história é ambientada, seja no Brasil ou no exterior. Ouvi cada canção e visualizei cada paisagem e cenário arrebatador (Quem me dera viajar e conhecer esses lugares fantásticos. Sonha...).

O desfecho previsível foi romanticamente lindo, o que me levou às lágrimas em dois momentos: O primeiro foi em uma cena embalada por She, que amo de paixão; e o segundo, em várias revelações ao pôr do sol.

Mais um livro que não consegui desvendar a identidade real do assassino, porque a autora me despistou em vários momentos e não descobri o motivo
real para os crimes.

Garanto que os antagonistas despertarão os seus piores instintos. Apesar disso, amava as cenas em que Richard e Zefa colocavam a megera da cascacu da Eva em seu devido lugar (Não há um leitor que não vibrará nesses momentos, porque é tudo o que almejamos dizer durante a cena ou no decorrer da leitura).


Como diz minha musa Ivetinha: O que é um peido para quem já está cagada, dona Eva? Para você, eu já estou mais suja do que pau de galinheiro, coisa que não influencia em nada o carinho da sua filha por mim. Pode continuar achando o que quiser. Não perderei meu sono por isso. O que importa agora é que estou linda, gostosa e tenho um encontro com esse homem deslumbrante. E nem você vai me aborrecer hoje. Então morra de inveja e vá passar a sua própria roupa, que eu nem ligo.

Pág. 291

Apesar de ter me identificado totalmente com a personalidade de Anna Maria e Richard, Zefa se tornou a minha personagem preferida por sua personalidade completamente oposta à minha e por expor tudo que está sentindo de um jeito expansivo e bem-humorado. Diferente de mim, ela é daquelas que agem de acordo com o que lhe dá na telha (eu jamais teria coragem de fazer o que ela faz) e não levam desaforo pra casa.

Ela merece um livro só dela, porque essa doidinha tem ainda muita história pra contar. Nem quero ver se isso acontecer... Já fico imaginando as suas loucuras no Rio de Janeiro, viu Glaucia? Vai se preparando!

Gente, ela é terrível! Sei em quem a autora se inspirou, mas não sei como conseguiu tanta criatividade para criá-la. Só sei que adorei, porque esses momentos cômicos desanuviavam os tensos da trama. Seus diálogos são impagáveis! Abaixo, segue algumas prévias do que você encontrará:

Agora tenho que dizer, minha filha. O homem é tão bonito que chega a doer. Esse dará trabalho, homem bonito sempre dá trabalho, e você é muito lerdinha. É tão parada que chega a me irritar. Ele parece aquele ator... Aquele que interpreta um vigarista brilhante e charmoso – que sem saída acaba trabalhando como consultor criminal para o FBI –, na série White Collar. Qual é mesmo o nome dele? Ah, sim, lembrei! Matt Bomer. Gente, que homem lindo é esse? Olho para ele e chego a suspirar. Aquela boca, aqueles olhos azuis, o nariz... tudo nele é perfeito. Como uma criatura tão tapada como você foi fisgar um gato desses, entendedor de vaginas e ainda um lorde inglês? Pior é que você nem fez nada para chamar a atenção dele, ou melhor, abriu as pernas e ele gamou depois de vê-la. Págs. 77-78
Richard continuou rindo, mas Anna Maria queria estrangular Zefa. Ainda não acreditava nas coisas absurdas que ela dizia, fazendo-se de inocente e amiga. Só faltava colocar um letreiro luminoso dizendo: NÃO A LEVE PARA A CAMA AGORA, PORQUE ELA SAIRÁ CORRENDO ASSUSTADA E A MÃE DELA VAI TE LEVAR PARA O ALTAR COM UMA ARMA NA CABEÇA.

Pág. 126

Adorei tanto os personagens principais quanto os secundários, que também são cativantes aos nossos olhos, mesmo com os seus defeitos, o que os torna interessantes por sua peculiaridade de ser, entre eles: Dinho, um cão-guia que faz de tudo para proteger sua dona Anna Maria. Gilbert Derrier, um francês espirituoso e sarcástico, que terá uma participação fundamental no desenrolar da trama. Um maestro que tinha fama de ser arrogante, prepotente e pretensioso, mas era perseverante.

Além do romance em si, o livro aborda várias questões, sendo algumas de utilidade pública, entre elas: o uso de preservativo (que raramente vejo nos romances que leio), as dificuldades enfrentadas no cotidiano pelos deficientes visuais em uma metrópole.

Só sei que este livro irá conquistar o seu coração pelas mensagens que traz com todos os ingredientes que amamos: romance, sensualidade, tensão, suspense e muito humor em meio a cenários idílicos com uma trilha sonora que vai emocioná-lo.

Alguns diálogos são bem profundos e reflexivos:

Ter medo é normal e errar também. O erro faz parte do ser humano e, tentar se corrigir, faz parte do aprendizado. Será longo, mas nada é impossível para aquele que crê, tem força de vontade e fé em Deus. O milagre maior Ele já fez e, se isso foi possível, não será impossível. E, se você errar, tentará novamente até conseguir.

Pág. 229
(...) Não tema! No fim tudo dá certo e se ainda não deu, é porque não chegou o fim. De que adianta se sentir ansiosa? De que adianta ficar pensando no que fará amanhã? Ou no que pode ou não ser a sua vida? Ansiedade só desgasta a pessoa e a faz perder o foco do que realmente é importante. Manter a mente sã torna o ser humano capaz de pensar e organizar as suas ações. Vamos viver um dia de cada vez, aprender a dar passos pequenos (...).

Pág. 229

Quando o li pela primeira vez me relembrei dos filmes Antes que termine o Dia (uma cena distinta em um restaurante com Richard me recordou de uma cena desse filme que achei emocionante) e O Som do Coração. Ambos por causa da orquestra e das violinistas.


Bem, não direi mais nada, para não acabar soltando SPOILERS em meio a minha empolgação e expectativa acerca deste livro.

Já está em PRÉ-VENDA!

CLIQUE AQUI para reservar o seu e recebê-lo autografado diretamente da autora com um lindo marcador personalizado.

Para quem ainda não sabe, tenho um grande carinho por ele, que é uma produção independente, porque acompanhei desde o princípio o processo de criação, onde fui responsável pelo projeto gráfico e pela revisão.

Desde o primeiro manuscrito que li, a história passou por diversas mudanças que foram primordiais ao desenvolvimento da mesma, deixando-a mais envolvente aos olhos do leitor, que não tem como não se encantar pelos personagens.

Quero agradecer a ajuda de minha família e alguns amigos que me ajudaram tirando algumas dúvidas, assim como a colaboração e o profissionalismo de Rosana Gutierrez. E, principalmente, agradeço o carinho e a confiança que a Glaucia Santos depositou em mim e no meu trabalho aceitando minhas sugestões e pitacos. Sou uma de suas incentivadoras e torço muito para que consiga uma editora que queira investir neste livro, que tem tudo para ser um sucesso!

Brevemente, ela trará muitas novidades e mais informações sobre essa história apaixonante.


Confiram o trailer do livro:


Saiba mais sobre a autora e suas obras:


Luz da minha Vida: Skoob | Onde adquirir
 


37 comentários:

  1. Oi, amore! Tudo bem? Essa resenha é super especial, pois esperava demais por ela. Vc participou de todo o processo, lendo os primeiros rascunhos, opinando em várias coisas e com a revisão o texto ficou incrível.

    Tenho certeza de que os leitores irão se envolver e seus corações serão fisgados por essa trama. Ela realmente ficou muito boa.
    Sei como foi difícil escolher os quotes, entre tantos. Mas os escolhidos estão perfeitos.
    Estou pensando com carinho na continuação que me pediu. Fui dormir ontem pensando em novas confusões para Zefa. Pode deixar que começo logo a fazer a nova obra.

    Como sempre digo, você é uma pessoa incrível, sensível e cheia de personalidade. Obrigada por fazer parte da minha vida e me permitir participar um pouco da sua.
    Agora é esperar a prova do livro e em breve os leitores vão se deliciar com Anna, Richard e Zefa.

    Até a próxima obra.


    Sinta-se abraçada por mim nesse momento.

    Obrigada de coração!

    bjs no core

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Glau.

      Tudo ótimo!

      Está sendo um prazer e uma honra acompanhar todo esse processo. Não vejo a hora de conferir a prova e o resultado final :)

      Em relação aos primeiros rascunhos nem se compara. Já nem me recordo mais como era a trama original. rs. Agora ficou muito mais emocionante e divertida com os capítulos extras.

      Os que curtem um romance do gênero irão adorar, com certeza!

      Foi complicado fazer essa resenha e a escolha dos quotes, porque muitos tinham SPOILERS e eu queria instigar a curiosidade do leitor, mas acho que consegui. rs.

      Ai, meu Deus! O que a Zefa vai me aprontar agora? Coitados dos homens ao seu redor. kkkkkkkkkkkk (Sei não, mas acho que a Zefa vai ganhar o coração dos leitores, viu? O bonitão que se cuide. hehehe).

      Ai, Glau. Fiquei até sem graça agora com suas palavras e digo o mesmo para você. Você também me é especial e mais uma amiga querida.

      Agradeço o seu carinho de sempre.

      Vamos torcer e fazer bastante barulho com essa turminha cativante.

      Não precisa me agradecer.

      Conte sempre com o meu apoio.

      Sabe que sempre que precisar, só falar.

      Beijos.

      .

      Excluir
  2. Ai meu Deus, que resenha mais bem construídaaaa.
    Um livro cuja história fala de uma pessoa que é cega e leva uma vida sofrida apesar de ter conforto.
    Já tive o prazer de ler um livro da Glaucia e ela escreve muito bem, imagino o que não fez com este livro!!!!
    Fiquei curiosa para saber como ela transformou este drama em comédia.
    Não tenho dúvida que é um livro maravilhoso!

    Vanessa - Blog do Balaio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Vanessa.

      Você vai se encantar com Anna Maria por ser uma mulher forte, determinada e que superou todas as adversidades e os preconceitos que sofreu.

      Eu me surpreendi com esse enredo, porque tem de tudo um pouco. Você vai rir demais também com a Zefa e se apaixonar pelo Richard.

      É maravilhoso!

      Beijos.

      Excluir
  3. Adorei a resenha eu estou louca para ler esse livro.
    O livro me parece ter tudo que gosto numa história, amei a sua resenha. Adorei os trechos do livro que você colocou.
    Adoro a Glaucia, acho ela uma ótima escritora, amei o primeiro livro dela e sei que vou amar esse também.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Suelen.

      Garanto que ela se superou neste e evoluiu muito.
      Você vai amar Anna, Richard e Zefa.
      Se prepare para fortes emoções.
      Beijos.

      Excluir
  4. Também gostei e assim como o primeiro vou ter na minha estante. Bjinhos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oba, você vai se surpreender Ahtange.
      Beijos.

      Excluir
  5. Que resenha apaixonada! Acho que o livro deve mesmo ser muito bom *-*

    Beijos,
    Nanie

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Nanie.

      Me empolguei, né?
      Tenho um carinho enorme por este livro, que está muito emocionante!
      Pelo que te conheço, é o tipo de romance que você curte.
      Beijos.

      Excluir
  6. Eu vou comprar logo, estou vendo que vou me apaixonar pelo livro!
    :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O livro é maravilhoso Pati.
      Você vai se emocionar.
      Depois me diga o que achou.
      😄

      Excluir
  7. Ai adoro esse tipos de livros, que lidam com esse tipo de deficiência, tenho certeza que vou adorar ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É maravilhoso, Danielle.
      Foca na realidade e é de utilidade pública também.
      Vai se apaixonar pela história.
      ^^

      Excluir
  8. Eu quero tanto, tanto esse livro! Quando eu li a Sinopse e soube que era da Glaucia Santos eu já fiquei louca por ele!Pelo que eu vi da sua resenha, tem tudo o que me chama atenção em um livro e eu fiquei, mesmo sem conhecer o personagem, apaixonada pelo Richard Doyle!

    Resenha perfeita!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Nanda.
      Se você curte um bom romance, vai amar!
      O Richard é o homem que toda mulher sonha: cavalheiro, íntegro e lindo.
      Garanto que vai se render aos seus encantos.
      Beijos.

      Excluir
  9. Tenho vários livros pra ler, e vim aqui também pra te dizer que mesmo assim comprei O livro "Para Sempre" porque não tenho receio das suas indicações.
    Adorei a resenha e lá pra frente quero também Luz da minha Vida.

    Beijos
    Lu http://www.apaixonadaporromances.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lu.

      A minha pilha também só aumenta. [risos].
      Me emocionei em "Para Sempre", mas a Glaucia se superou neste, que apreciei mais por conta da minha idade.
      Mas os dois são emocionantes. Vale a pena conferir cada leitura.
      Depois quero saber qual o seu mocinho preferido: Justin ou Richard?
      Mas acho que sei qual será, porque um deles se parece muito com alguém que você ama. Adivinhou? [risos].

      Beijos.

      Excluir
  10. Estou em falta com a Glaucia, pois ainda não li Para Sempre.
    Pretendo comprar esse e ler logo em seguida, ainda mais depois dessa super resenha.
    Adorei cada palavra, cada emoção qeu ficou nas entrelinhas.
    Amo as resenhas da Carlinha.
    beijos amore, e sucesso Glaucia!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você vai gostar de Para Sempre porque lembra demais os livros do Sparks pelo drama em si, mas sinto que este é a sua cara.

      Não vejo a hora de você lê-lo para trocarmos figurinhas.

      Quando gosto de um livro, sempre deixo transparecer cada emoção sentida no decorrer da leitura.

      Beijos.

      Excluir
  11. Que bom que temos uma escritora nova no Brasil, a nossa literatura precisa muito disso, a resenha está otima, gosto que historias de superação, de pessoas passando por cima das barreiras. Quero muito ler!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Diandra.

      Temos escritores ótimos com história que superam em muito os estrangeiros.

      É uma bela história de amor, coragem, superação. Você vai adorar!

      Beijos.

      Excluir
  12. Ai meu Deus, mais um mocinho pra entrar na minha lista de "quero conhecer, me apaixonar e levar pra casa" rsrs, e o bom é que ele é brasileiro \õ/. Adorei a resenha, deixou um gostinho de quero mais, necessito, necessito, necessito desse livro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ieda.

      Richard é o homem que toda mulher sonha. *suspira*
      Na realidade, Richard é inglês e o romance é brasileiro. :)
      O livro também está à venda na lojinha do site da Glaucia Santos:
      http://cantinhoglaucia.blogspot.com.br/2010/01/pagina-lojinha.html

      Beijos.

      Excluir
  13. Amei a resenha, gostei muito da capa do livro, é muito linda, mas o livro não me chamou muita atenção, eu realmente gostei mesmo foi de "Para sempre", quero muito esse, rsrsrsrs...
    :D

    ResponderExcluir
  14. Amei a resenha, gostei muito da capa do livro, é muito linda, mas o livro não me chamou muita atenção, eu realmente gostei mesmo foi de "Para sempre", quero muito esse, rsrsrsrs...
    :D

    ResponderExcluir
  15. Ai meu Deus, amei a resenha amei mesmo. Tem tudo que eu gosto numa história, drama, romance, comedia e espero q um final feliz.
    Confesso q não conhecia a autora, mais agora tô super curiosa pra saber do outro livro dela e claro ter esse na minha estante.
    Parabéns pela resenha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Priscillaaaaaa.

      Fico feliz que tenha gostado. Não é porque me acompanhei todo o processo, mas me me apaixonei pelos personagens e pela essência do enredo. Quem gosta de um bom romance, vai apreciar muito.

      O outro livro é emocionante também, em breve terá uma nova edição e você poderá conferir.

      Obrigada pelo carinho.

      Beijos.

      Excluir
  16. Eu nem sei o que falar do livro, simplesmente adorei o livro e eu adorei o jeito da Zefa ela é super parecida com uma amiga minha, e eu vou adora as cenas que a Zefa enfrenta a mãe da Anna!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Mari.

      Eu me diverti demais com a Zefa, porque ela conseguiu desanuviar os momentos tensos.
      As cenas em que ela enfrenta a megera da Eva são impagáveis.
      Aguarde que a autora trará mais novidades a respeito dessa personagem tão queridinha do público.

      Beijos.

      Excluir
    2. Nossa essa resenha ficou realmente bem feita!! E pelo que vi dos comentários, parece ser um livro muito bom e divertido!!
      Não conhecia a autora, mas agora fiquei curiosa pra saber do outro livro.

      Excluir
    3. Oi, Thaty Inácio.

      Agradeço suas palavras e garanto que o livro vai te trazer um torvelinho de emoções, onde você vai rir, se emocionar e se encantar pelos personagens.

      Beijos.

      Excluir
  17. Confesso que o livro me atraiu, a principio, pq achei a sinopse parecida com alguns romances de banca que li ha algum tempo, curto muito isso da mocinha ser deficiente, mas independente e o mocinho decidido e protetor. Só fiquei um pouco com pé atras na questao dos suspense policial que o livro tras, nao curto isso nos romances que leio, a nao ser que seja predominante policial. Ainda nao li nada da autora, gostaria ja faz um tempo de ler Para sempre, mas, lendo a resenha, gostei mais desse 2 livro dela, tem tudo pra ser sucesso.
    espero ler em breve.
    bj

    ResponderExcluir
  18. Confesso que o livro me atraiu, a principio, pq achei a sinopse parecida com alguns romances de banca que li ha algum tempo, curto muito isso da mocinha ser deficiente, mas independente e o mocinho decidido e protetor. Só fiquei um pouco com pé atras na questao dos suspense policial que o livro tras, nao curto isso nos romances que leio, a nao ser que seja predominante policial. Ainda nao li nada da autora, gostaria ja faz um tempo de ler Para sempre, mas, lendo a resenha, gostei mais desse 2 livro dela, tem tudo pra ser sucesso.
    espero ler em breve.
    bj

    ResponderExcluir
  19. olá parabéns pela resenha, estou ansiosa para ler o livro

    ResponderExcluir
  20. Perfeita a resenha! Super instigante, doida para ler o livro!!!!!

    ResponderExcluir


Quer deixar seu comentário? Fique à vontade!

Agradeço sua visita e volte sempre! ^^

Postagens Recentes

Últimos Comentários

Copyright © 2009, 2015 - Sonho de Reflexão - Todos os direitos reservados. Tecnologia do Blogger.
As postagens desse blog são de minha autoria. Se tiver algo produzido por outra pessoa, os créditos serão devidamente mencionados. Se quiser reproduzir algum texto meu, me avise e dê o devido crédito. Leia os "Termos de Uso". A imagem da mulher lendo foi retirada do quadro "A Quiet Moment" da artista americana Sandra Kuck.