Um Porto Seguro - Nicholas Sparks

UM PORTO SEGURO
NICHOLAS SPARKS
Novo Conceito


O enredo deste livro (Safe Haven, 416 p.) é ambientado em Southport, uma cidadezinha da Carolina do Norte.

Aos 27 anos, Katie é uma jovem misteriosa e reservada que carrega um grande trauma emocional do passado, incluindo uma infância conturbada. Além da inteligência, da generosidade e da sua independência, possui senso de humor e coragem.

(...) o passado sempre estava à espreita e poderia retornar a qualquer momento. Um passado que cruzava o mundo procurando por ela, e ela sabia que sua fúria crescia a cada dia que passava.
Pág. 18

Cria raízes nessa pequena comunidade isolada onde está recomeçando uma nova vida trabalhando como garçonete em um restaurante para sobreviver. E, nesse meio tempo, seu caminho se cruza com o de Jo e de Alex.

Jo, sua vizinha e futura melhor amiga, é sincera, otimista, mas também manipuladora, o que deu graça à personagem, que foi uma grata surpresa no final e me comoveu muito. Transparece algo além da confiança, porque trabalha com aconselhamento psicológico em situações de lutos e perdas. Será sua conselheira que a apoiará e em quem confiará seus segredos mais íntimos.

Alex, um viúvo de 32 anos, é generoso e cria os dois filhos pequenos, Josh e Kristen, respectivamente, com seis e cinco anos de idade, que eram inteligentes, meigos, comunicativos e sensíveis.
Não gostava de reclamar da vida cansativa e isolada que levava, já que sua prioridade sempre foram as crianças.

Ele é um ex-major do exército, formado em direito criminal, que foi designado para a Divisão de Investigação Criminal (DIC), mas agora é dono de uma loja de conveniência. É um ser humano raro, que ama profundamente e nunca deixa de amar, porque tem um senso inabalável de humanidade e fé na bondade da vida.

Apesar da solidão e ressentimento, resignou-se e sempre buscou forças para superar a dor da perda pelos filhos. Viviam felizes, porque superaram imensas tragédias em nome do amor. Depois de tudo não via a possibilidade de voltar a amar alguém devido a tanto sofrimento, mas sempre encontrou o melhor nas pessoas.

Desde os dezoito anos, Katie carrega o fardo da solidão, entretanto se afeiçoa à família dele, mas, infelizmente, se depara com seu passado sombrio que ainda a assombra, porém faz com que redescubra o significado do sacrifício e contar com o poder do amor. A última coisa que queria era se envolver com alguém, mas suas defesas começam a ruir ao se sentir segura.

(...), seus instintos lhe diziam que ele era um homem em quem ela podia confiar. Que, não importava o que lhe dissesse, ele a apoiaria, guardaria seus segredos e nunca usaria o que sabia para magoá-la.
Pág. 136

Quando finalmente se apaixona, isso a assusta por não estar pronta, mas não admite que esteja cada vez mais atraída por ele.

Com o relacionamento evoluindo, Alex intui seus problemas e quer ajudá-la instintivamente, porque sente falta de uma esposa assim como as crianças de uma mãe, já que sua solidão reflete na dos filhos. Esse mistério que a cerca incomoda-o, porque pressente que há algo errado.


Aquele era o segredo sujo associado ao seu passado. (...) de alguma forma, ela achava que merecia o que lhe acontecera, simplesmente por ter deixado que tudo aquilo acontecesse. Mesmo agora, ela ainda se envergonhava. Havia momentos em que se sentia incrivelmente feia, como se as cicatrizes do passado ficassem visíveis para todos.
Pág. 164

Porém, estava disposto a esperar por alguém que trouxesse alegria à sua vida e amasse seus filhos tanto quanto os amava. Enquanto isso, ele a intrigava com seus gestos e sua solidão, mas sabia que podia confiar e futuramente vir a amá-lo sem reservas. Quanto mais passava ao seu lado, sentia que este sabia mais do que deixava transparecer e isso a assustava, porque se sentia nua e vulnerável.


- Você e eu somos muito mais parecidos do que você imagina. Se eu estivesse na sua situação, faria exatamente a mesma coisa. Você não quer sentir que deve algo a alguém. Você quer provar que pode cuidar de si mesma sem depender de mais ninguém, não é?
Pág. 97

No decorrer da leitura, desvendamos por que Katie sente essa necessidade de recomeçar e o que deixou para trás?


- (...). Você se enxerga como alguém que não conseguiu fugir do que o destino lhe reservou. Eu vejo uma mulher corajosa que escapou. Você se enxerga como alguém que deveria se sentir envergonhada ou culpada por ter permitido que aquilo lhe acontecesse. Eu vejo uma mulher bonita e gentil, que deveria sentir orgulho por ter impedido que aquilo voltasse a acontecer. Nem todas as mulheres têm a força para fazer o que você fez. É isso o que eu vejo agora e é isso que eu sempre vi quando olhava para você.
Pág. 193

Katie estará disposta a se comprometer independente dos seus medos e do que possa acontecer futuramente? E no final, terá que escolher entre arriscar sua vida ou sentir-se segura?


- Talvez eu esteja me preocupando com a possibilidade de que o passado nem sempre seja o passado e que você possa decidir partir, independentemente de quanta tristeza deixe para trás. O amor não significa nada se você não estiver disposta a assumir um compromisso e você não pode pensar apenas no que quer. Você tem que pensar também no que ele quer. Não apenas agora, mas também no futuro.
Pág. 241

A leitura fluiu de forma agradável. Apesar dos momentos tensos, tudo foi entremeado com uma simplicidade que me cativou. Gostei muito da contracapa que retrata um dos momentos da trama.

Todos sabem que alguns livros
do autor me decepcionaram com algumas questões, especialmente no final, mas este entrou para a lista dos meus preferidos do Nicholas Sparks. Não posso negar que há muitas peculiaridades em relação às outras tramas. O enredo intenso, apaixonante e envolvente me comoveu e foi o segundo romance que tive o prazer de ler sem chorar e com um final, que mesmo previsível e ansiando por um pouquinho mais, foi satisfatório aos meus olhos e o ÁPICE do enredo. Por isso, NÃO LEIAM AS ÚLTIMAS PÁGINAS, SENÃO PERDE TODO O ENCANTO DA LEITURA!

Repleto de doçura, romance, emoção, com um toque sobrenatural, de suspense e alguma ação na reta final. Uma cena, em particular, nos momentos mais tensos ligados a alguém do passado de Katie, me fez lembrar o romance “Mergulho no Escuro”, da escritora Danielle Steel. Foi bem similar! Outro fator que faz com que o leitor fique impressionado são as cartas escritas pela esposa de Alex, que são profundamente tocantes!

O livro, além do drama da violência doméstica foca na dor da perda e do luto, como também traz belas mensagens reflexivas de amor, esperança e fé, onde devemos agir sempre da melhor maneira possível, mesmo quando tudo parece impossível, porque a vida é imprevisível e assustadora e as coisas precisam de um único instante para dar errado.
 

Afinal, o amor é a força motriz capaz de nos refugiar nos momentos de maiores adversidades e isto é suficiente para enfrentarmos e resistirmos aos nossos altos e baixos, porque... “na vida de cada um, há um momento inegável de mudança; um conjunto de circunstâncias que, repentinamente, faz com que tudo se transforme.”

O livro foi adaptado para o cinema, que tem previsão de estreia para fevereiro/2013, estrelado por Josh Duhamel e Julianne Hough. Vi o trailer do filme homônimo e percebi que muitas cenas estão distintas do romance, mas não vejo a hora de assistir e deixar a emoção aflorar à flor da pele!

18 comentários:

  1. ainda não li o livro, mas ja obtive uma dica: não ler as ultimas páginas, é uma promessa! o livro promete ser bem fofo e super emotivi, mas assim é Sparks e eu amo!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Thaila.

      É um romance diferenciado de todos os que já li do autor.

      Leia, que você vai amar. O final foi emocionante, mas siga a promessa mesmo, porque foi uma grande surpresa p/ mim este detalhe no final. Foi inesperado.

      As crianças são fofas demais e o Alex é o homem que toda mulher sonha.

      Leia e depois me diga o que achou.

      Beijos.

      Excluir
  2. OI Carlinha!

    Precisei conferir a sua resenha kkkkk

    Então, né... quanto começa as minhas férias mesmo?

    Ah! Dezembro! Ai sim vou conferir o livro kkkkkkkkkk

    E vou assistir esse filme, só por causa do autor XD

    Bjs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ka.

      A curiosidade foi maior, né? [risos].

      Pode ficar tranquila que não soltei nenhum SPOILER!

      Você será surpreendida várias ao lê-lo!

      Confira sim e depois me diga o que achou. ^^

      Também adoro o Josh Duhamel. Espero para que ele tenha captado a essência de humanidade de Alex no filme. O pouco que vi do trailer, está bem emocionante.

      Beijos.

      Excluir
  3. Já estou ansiosa para ler o meu, ainda mais depois da sua resenha Carlinha. Você consegue fazer com que a gente sinta uma aflição de tanta vontade de ler, kkk

    Linda resenha como sempre, parabéns!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Leninha.

      Para tudooooooo e vá ler NOW! É a sua cara!

      Prepare suas emoções. É tocante demais.

      Coloquei apenas uma parte na minha resenha. O passado da Katie coloquei em enigma.

      Se você leu "Sentimento Fatal", da Janethe Fontes, espera p/ ver o que te aguarda. É ainda mais tenso!

      Leia e depois me diga o que achou.

      Beijos.

      Excluir
    2. Carambolas, para de me atiçar moiler, kkkk

      Excluir
  4. "O enredo intenso, apaixonante e envolvente me comoveu e foi o segundo romance que tive o prazer de ler sem chorar e com um final, que mesmo previsível e ansiando por um pouquinho mais, foi satisfatório aos meus olhos"

    Então, nem o mocinho nem a mocinha morrem no final? Depois me conta no MSN. rsrsrs

    bjokas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Tonks.

      Só garanto que depois do quaseeeeee, o que é comum nos livros do autor, neste temos um final feliz. :)

      Mas o livro foca em outro tipo de tragédia que é muito atual e achei bem interessante, por mostrar o que muitas pessoas vivenciam como a violência doméstica e a dor do luto.

      Depois te conto mais detalhes via MSN. rs.

      Beijos.

      Excluir
  5. Se tudo der certo, esse será minha próxima aquisição do Nicholas Sparks.
    Espero que esse também não me faça chorar!
    Adorei a resenha. Ficou show de bola!!
    Bjos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ronevia.

      Já chorei muito nos romances dele, fato!
      Mas esse, apesar de me deixar comovida, não me fez chorar, porque torci a todo momento pela felicidade dos personagens e para que dessem a volta por cima das adversidades.
      Fico feliz que tenha apreciado a resenha. Foi difícil, mas acho que consegui meu intento não soltando nenhum SPOILER! :)
      Leia e depois me diga o que achou.
      Beijos.

      Excluir
  6. Oi, Carla.


    Li a resenha e fiquei encantada e quando li " final feliz" em um dos comentários aí é que me animei hehehe. Agora eu quero o livro, culpa sua, hein!

    Beijos
    Luciana (⌒ ‿⌒) ♥

    Apaixonada por Romances

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lu.
      Você vai adorar!
      Um dos melhores dele que li.
      Espero que aprecie a leitura tanto quanto eu.
      Beijos.

      Excluir
  7. Oi, Carlinha! Estou com o livro aqui para ler, mas a fila está tão grande, que estava planejando deixar ele para as férias... Mas confesso que a sua resenha me fez ficar bastante curiosa, e com vontade de agarrar ele agora mesmo para ler... Mas preciso acabar o que eu estou lendo antes... :(
    O livro parece mesmo ser lindo, tocante. Mas é Nicholas Sparks, né? Como poderia não ser? Espero gostar dele tanto quanto você, e mesmo sabendo que o final não é "típico Nicholas" (kkkk), espero mesmo me emocionar!
    E obrigada pelo aviso para não ler as páginas finais... Preciso confessar que sempre faço isso.... kkkkk

    Beijos,
    Inara
    http://www.lerdormircomer.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Acho que Sparks teve problemas emocionais ou conviveu com pessoas com a vida complicada e cheias de drama. O livros dele sempre passam mensagens forte e e peculiar. Acho que esse será mais um livro para me fazer chorar muito, porque me envolvo com os livros dramáticos. Algo em mim gosta de ver a coisa fluir para algo melhor no decorrer da leitura.

    Já estava louca por ele, agora então quer muito mais. A Patty ficou de me mandar de presente todos os livros do Sparks que recebeu, então essa é uma leitura garantida.

    Amei a resenha!!

    bjs no core

    ResponderExcluir
  9. Oi, muito bom seu post, estou lendo esse livro, e estou amando ele, o Sparks escreve muito bem, e ele deixa a gente envolvida, que não dá ânimo de parar de ler. Parabéns pelo post

    ResponderExcluir
  10. Oi, parabéns pelo post, estou adorando esse livro, muito bom mesmo.

    ResponderExcluir
  11. Concordo com sua resenha, esse é o primeiro livro dele que não me fez chorar e sim ficar suuuuper tensa rs' é um dos meus favoritos.

    ResponderExcluir


Quer deixar seu comentário? Fique à vontade!

Agradeço sua visita e volte sempre! ^^

Postagens Recentes

Últimos Comentários

Copyright © 2009, 2015 - Sonho de Reflexão - Todos os direitos reservados. Tecnologia do Blogger.
As postagens desse blog são de minha autoria. Se tiver algo produzido por outra pessoa, os créditos serão devidamente mencionados. Se quiser reproduzir algum texto meu, me avise e dê o devido crédito. Leia os "Termos de Uso". A imagem da mulher lendo foi retirada do quadro "A Quiet Moment" da artista americana Sandra Kuck.