Silêncio - Becca Fizpatrick

SILÊNCIO
BECCA FITZPATRICK
Intrínseca


Este livro que, no original em inglês intitula-se Silence, com 304 páginas, é o penúltimo livro da série Sussurro.

A história começa três meses depois dos fatos que culminaram no desfecho do volume anterior.

Desorientada, Nora acorda em um cemitério e descobre que está desaparecida desde o solstício de verão sem ninguém saber do seu paradeiro, mas não se recorda de nada, porque está com amnésia retrógrada. Por isso, tenta sobreviver ao que sabe retomando sua vida rotineira com sua família, seus amigos e, para piorar ainda mais, tem que lidar com o namorado da mãe, que lhe dá engulhos no estômago.

Além disso, intui que algo dentro de si se perdeu, porque sente que falta uma lacuna em sua mente e precisa recuperar essa parte para reconstruir o quebra-cabeça, especialmente quando se lembra da cor negra que remete a momentos doces e ternos, além de trazer arrepios nos momentos mais improváveis.

Mas como alguma coisa perdida em minha memória durante todo esse tempo podia me causar prazer em vez de dor?

Pág. 37

Começa a ficar paranóica com vozes e alucinações sobrenaturais com anjos e criaturas, duvidando da sua sanidade. Apesar de não se lembrar dos últimos cinco meses e muito menos de Patch, sente inconscientemente que precisa dele, o que é algo intenso e inexplicável. Mas onde ele está, já que desapareceu do mapa?

E sempre me perguntei se ele tinha alguma coisa a ver com seu desaparecimento. (...) foi como se uma nuvem negra tivesse se instalado sobre sua vida no dia em que você o conheceu.

Pág. 107
Se ele foi meu namorado, e eu havia significado alguma coisa para ele, onde estava agora?

Pág. 134

Até que um dia, Nora é aterrorizada com uma cena brutal, quando surge Jev, um desconhecido por quem sente uma forte ligação e se vê atraída, porque sente que ele sabe de algo que desconhece, cuja presença envolvente e desconcertante inunda-a com emoções familiares. Ao longo da narrativa, se vê perdidamente apaixonada por esse ser aparentemente frio e indiferente, cujo mistério vive atormentando seus pensamentos.

(...) olhos negros como o pecado. Olhos que perdiam a frieza quando me estudavam, tornando-se brandos e sedutores como seda.

Pág. 109

Depois de tantas descobertas que levam ao paradeiro do seu sequestrador, Nora tem sede de vingança e um ódio mortal. Com isso, arrisca sua vida e a de seus amigos com uma horda de nefilins e anjos caídos em seu encalço, onde uma guerra está para eclodir em uma batalha sangrenta onde ela terá que fazer uma escolha.

Nem um grito conseguia romper a barreira erguida pelo pavor.
No final, a única coisa entre nós era o silêncio.

Pág. 267

Qual o grande propósito por trás disso? Uma guerra que acabará com uma raça aniquilada?

A morte rápida não era suficiente? Ele queria me fazer sofrer, queria causar o máximo possível de dor?

Pág. 87

Será que Nora recuperará a memória e descobrirá quem está por trás disso tudo? E seu coração, será de Patch ou Jev?

A leitura fluiu rapidamente e, se você sentiu falta de romance no volume anterior, em Silêncio isso é compensado. Mesmo com algumas lacunas na história, até o momento achei que este foi o melhor livro da série se comparado com os anteriores. Adorei a ação e a intensidade do romance, que foi mais explorado.

O curioso é que, se você não se recorda do que aconteceu em Crescendo, vai se lembrar de tudo juntamente com os flashbacks de Nora desvendando todos os acontecimentos.

Apesar de insegura, ela amadureceu muito, não é mais a garota perfeita e alienada, porque está mais forte, mas em alguns momentos sua imaturidade por agir impulsivamente sem medir as consequências me irritou profundamente, porque me lembrou de tantas protagonistas de livros desse gênero, entre elas: a Ever, de Os Imortais; a Dana, de Glimmerglass e a Bella, de Crepúsculo. E sempre que o casal estava nas preliminares acontecia algo (soa familiar para você? Quem leu a série da Alyson Noël e da Lisa Desrochers sabe sobre o que estou me referindo). Embora isso seja uma característica dos gêneros YA, já estou de fato ficando enjoada.

Gostei da presença de Patch, onde vemos os dois lados da mesma moeda: o do mocinho e o do vilão. Era doce, terno, corajoso e a personificação da perfeição masculina, que emanava um poder de sedução, como também era um bad boy, rápido e habilidoso nas lutas, mentiroso, trapaceiro, jogador, ladrão, assassino, frio, implacável, desdenhoso, irônico, sarcástico, egoísta e ameaçador.

Algumas cenas foram emocionantes!

- Minha história é longa. E não há muita coisa boa nela. Não posso apagá-la, mas estou decidido a não errar novamente. Não quando os riscos são tão grandes, não quando envolvem você. Há um objetivo em tudo isso, mas vai levar um tempo. – Dessa vez ele me abraçou e afastou o cabelo do meu rosto, e alguma coisa dentro de mim se desfez ao seu toque. Lágrimas quentes transbordaram de meus olhos. – Se eu perder você, perco tudo.

Pág. 46
Você é minha, Anjo. E eu sou seu. Nada pode mudar isso.

Pág. 55
Abriria mão de tudo que tenho, até da minha alma, por você. Se isso não é amor, é o melhor que tenho para oferecer.

Pág. 239

Personagens dos livros anteriores retornam e surgem outros para movimentar ainda mais o enredo.

Hank e Marcie continuam insuportáveis, mas ele mostra sua verdadeira personalidade completamente oposta ao que aparenta ser. Apesar dela sempre valorizar gente superficial, burra e egocêntrica, me deu pena!

Outro fator interessante é que achei algumas cenas e fatos forçados como a mítica dos anjos e nefilins, objetos importantes estarem em qualquer lugar ou outros sumirem sem a menor explicação e não vou enumerar tudo aqui, senão a resenha ficaria extensa demais. Só quero saber como a autora irá explicar isso no final da série, porque são detalhes imprescindíveis.

Mesmo que algumas questões abordadas no livro me intrigaram, acho que gosto de sofrer por personagens cuja teimosia me irritam, mas mesmo assim fiquei inebriada pela magia sombria da história de Nora e Patch, mesmo que este tenha mudado muito.

Aguardando ansiosa pelo final e espero que a série feche com chave de ouro, sem nenhuma enrolação, como estamos cansadas de ver em outros livros.

Ao concluir a leitura, tive uma surpresa inesperada e arrebatadora, o que me deixou ansiosa para conferir o último volume: Finale.

O que o futuro reserva para Nora e Patch? Isso, você só saberá lendo esse livro envolvente que está mais sombrio, repleto de drama, conflitos, suspense, mistério, ação, adrenalina e, é claro, romance e com fortes emoções.

Saga "Sussurro"
(The Hush, Hush Saga)

1. Sussurro
(Hush, Hush)
2. Crescendo (Crescendo)
3. Silêncio (Silence)
4. Finale


19 comentários:

  1. Eu gostei do livro, mas acho que teve muita enrolação, pouca ação e muita coisa desnecessária.
    Ficaram diversas pontas soltas para Finale, o que deve torná-lo o maior livro da série, se isso não acontecer será uma decepção.
    Adoro o Patch, isso é fato, mas acho que ele tem de ser soltar mais, Silêncio foi mais uma sombra do que ele é de verdade.

    ResponderExcluir
  2. aaah sei lá, Carlinha... mas não achei q este livro trouxe tanto romance assim :/ achei que os personagens estavam sem química e as cenas dos dois juntos foram forçadas demais... Não sei pq, mas foi a impressão que me deixou, entende? Fiquei até um pouco chateada pq todo mundo dizia que estava uma coisa de louco esses dois, de você ficar com calor huhauhauha Mas comigo não funcionou.
    E a Marcie, até eu fiquei com pena dela no final O.o
    Também gostei mais de Nora nesse livro, cheia de atitude. AS cenas de ação também ficaram show! Mas mesmo assim não fizeram deste meu livro preferido da série :/
    To louca pra chegue logo o Finale. *____*
    Beijosss

    ResponderExcluir
  3.  Concordo com a Fabiana sobre o Patch ter que se soltar mais. Ele estava muito morto nesse livro O.o Mais que nos outros. Eu achei!

    ResponderExcluir
  4. Oi Carlinha!

    Eu preciso começar desde o primeiro, eu não lembro de mais nada rsrsrssr

    Mas isso ainda vai demorar um pouco =(

    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Eu estou bem curiosa por esse, li Crescendo e não gostei (até porque o Patch está muito mudado lá) e a Nora mais parece a Bella... agora nesse parece que ele tem maior participação... acho que vou gostar...

    beijos,
    Dé...

    ResponderExcluir
  6.  Oi, Fabiana e Karina,

    Concordo com vocês em relação às enrolações. Também achei que foram desnecessárias, porque fiquei questionando muita coisa.

    Mas vamos aguardar e ver no que vai dar.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  7.  Oi, Karina.

    Também achei algumas cenas forçadas como disse acima.

    No final, a Marcie foi digna de pena, porque ter um pai como aquele ninguém merece! [risos].

    Achei que este foi o melhor da série em relação ao volume anterior que achei meio parado. :)

    Vamos aguardar e ver se todas as questões pendentes serão esclarecidas no último volume.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  8.  Oi, Dé.

    Espero que goste. Quando lê-lo, quero saber sua opinião.

    Este livro tem mais ação do que Crescendo e os mistérios só aumentam, apesar de algumas pontas soltas.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  9.  Carlinha, acho que fui a única que gostou de Crescendo mais que todos os outros livros huahauhuaha *___*

    ResponderExcluir
  10.  E sempre que o casal estava nas preliminares acontecia algo (soa
    familiar para você? Quem leu a série da Alyson Noël e da Lisa
    Desrochers sabe sobre o que estou me referindo). Embora isso seja uma
    característica dos gêneros YA, já estou de fato ficando enjoada.Também me sinto assim. kkkkkbjokas

    ResponderExcluir
  11. Ahh, eu AMEI esse livro. AMEI.

    Não achei nada forçado *foge para as montanhas* e confesso que em alguns momentos a Nora me surpreendeu. Achei que ela assumiu uma postura muito mais forte nesse livro, correndo atrás das coisas e não ficando esperando o Patch resolver tudo por ela, hahaha.

    Estou louca pela continuação. #RoendoUnhas

    Beijos Carlinha, amo-te!

    ResponderExcluir
  12. O enredo é excelente, mesmo com alguns detalhes que achei forçado.

    Pelo menos a Nora mostrou que nós mulheres temos voz ativa quando lutamos pelo que queremos, sem depender de ninguém. Apesar de ser impulsiva, estou gostando do crescimento da personagem.

    Também estou ansiando pela continuação e torcendo para um grande "Finale".

    Beijos.

    ResponderExcluir
  13. Eu quero ler lgoo ele... mas resolvi esperar Finale... hahahha sou a rainha da ansiedade...

    Beijo,Lariane - Leituras & Devaneios

    ResponderExcluir
  14. Quero ler, quero ler! Mas eu não tenho, eu não tenho... rsrsrs Vou comprar essa série pra mim, só não sei quando. Tô ficando ansiosa pela leitura!

    Bjs.

    ResponderExcluir
  15. Estou tentando conseguir os livros desta série, estou com muita vontade de ler]Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  16. Carlinha, não li a resenha porque não li o livro anterior. Eu só li o primeiro livro dessa série, mas não gostei muito ><

    Beijos, Nanie - Nanie's World

    ResponderExcluir
  17. Nossa!!  Até que enfim tive tempo pra ler sua resenha, estava muita enciosa e  vc sabe o quanto eu gosto da  serie Hush Hush.

     E agora  preciso dar um jeito de comprar o quanto antes o livro, hehehe. Parabéns pela resenha!
    Beijos e até a próximavisita ;)Lu - Apaixonada por Romances

    ResponderExcluir
  18. Estou louca para ler esse livro, primeiro é claro para matar as saudades de meu anjo favorito Patch, depois para saber o que acontecera e tbm poder desvendar todo esse misterio entre anjos e nefilins. Gostei de saber que nesse livro finalmente Nora esta amadurecendo, pois as vezes ela dava no saco. Espero poder ler logo esta historia e tbm chegar logo o lançamento de finale 

    ResponderExcluir
  19.  Estou ansiosa pelo lançamento de Finale. Mal posso esperar p/ saber o desfecho dessa história.

    ResponderExcluir


Quer deixar seu comentário? Fique à vontade!

Agradeço sua visita e volte sempre! ^^

Postagens Recentes

Últimos Comentários

Copyright © 2009, 2015 - Sonho de Reflexão - Todos os direitos reservados. Tecnologia do Blogger.
As postagens desse blog são de minha autoria. Se tiver algo produzido por outra pessoa, os créditos serão devidamente mencionados. Se quiser reproduzir algum texto meu, me avise e dê o devido crédito. Leia os "Termos de Uso". A imagem da mulher lendo foi retirada do quadro "A Quiet Moment" da artista americana Sandra Kuck.